Total de visualizações de página

domingo, 14 de novembro de 2010

Fórum das Letras traz grandes encontros a Ouro Preto

Fórum das Letras traz grandes encontros a Ouro Preto
Mia Couto, Laurentino Gomes, Adélia Prado, Décio Pignatari, Marcelino Freire, Affonso Romano de Sant’Anna, João Maimona, Manuel Rui, Arthur Dapieve, Beatriz Bracher, Toninho Horta, João Moreira Salles, Marina Colasanti e Leonardo Boff são alguns dos convidados especiais do Fórum das Letras de Ouro Preto, neste fim de semana prolongado. A sexta edição do evento vai até o dia 15 de novembro e contará com debates dos mais diversos assuntos, como a mescla da identidade brasileira e africana, tema central do encontro, até a produção jornalística atual.

Neste sábado, a programação do Fórum das Letras tem início às 11h, com o Ciclo Bravo! de Jornalismo e Literatura, no Anexo do Museu da Inconfidência, com a mesa “O jornalismo entre a ficção e a história”, com Paulo Markun, Lira Neto e mediação de André Nigri. As atividades no Cine Vila Rica têm início às 15h, com o tema “Os órfãos da Independência: as relações Brasil e África e as esperanças frustradas em 1822”. O debate terá a presença de Laurentino Gomes, que acaba de lançar o livro “1822”, que conta a história do processo de Independência brasileiro, Fragata de Morais e Clóvis Bulcão. Adélia Prado, uma das autoras mais aguardadas do evento, estará na sessão das 17h, ao lado de Edney Silvestre e Leda Nagle, para discutir a respeito da “Literatura, Identidade, Verdade”. Finalizando o sábado, os poetas Décio Pignatari, Carlito Azevedo, Frederico Barbosa e Adriano Botelho.

Paralelamente aos debates, o Fórum das Letras reserva ainda espaço para as crianças. O Fórum das Letrinhas tem continuidade com a Vila Livros: Rica de Crianças, um espaço destinado exclusivamente à divulgação da literatura infantil, na Casa de Gonzaga. A Via-Sacra Poética também segue levando a literatura para as ruas de Ouro Preto e região. Às 14h, começa a Folia de São Gonçalo, no distrito de Amarantina. À noite, a partir das 20h30, Marcelino Freire participa do evento com o espetáculo “Contos Negreiros”, adaptação de seu livro homônimo, vencedor do Prêmio Jabuti na categoria Contos em 2006. Participam da apresentação a cantora Fabiana Cozza e os músicos Douglas Alonso, Rodrigo Campos e André Santos, na Casa da Ópera. Às 23h, acontece o show com a banda Vira-Saia e, à 0h, começa o Sarau Noite Adentro.

No domingo, algumas das estrelas do evento são Affonso Romano de Sant’Anna, Manuel Rui e João Maimona, que participam do debate “A poesia cobrindo as distâncias entre a África e o Brasil”, no Cine Vila Rica. João Paulo Cuenca, Felipe Pena e Arthur Dapieve se encontram às 17h, na mesa “A literatura e a diversidade urbana”. A sessão “Cinema e deslocamentos”, com Marcos Strecker e Beatriz Bracher, tem início às 19h. Às 21h, o Fórum das Letras abre as portas para o lançamento nacional da biografia de Toninho Horta, um dos mais importantes músicos brasileiros. O bate-papo “Toninho Horta: Harmonia Compartilhada” precede o lançamento e contará com a presença do músico e da autora, Maria Tereza Rangel.

A programação noturna do evento contará com o Movimento Audiovisual de Ouro Preto, às 21h30; com o cortejo “Na Levada da Marchinha”, com os músicos do Distrito de Santa Rita, às 22h; com o Baile a Céu Aberto, com a Orquestra Baile da Sociedade Musical Senhor Bom Jesus de Matosinhos, na Ponte dos Contos, às 22h30; e, à 0h, o Sarau Noite Adentro, no Restaurante Café & Cia.

O domingo, último dia de Fórum das Letras, começa às 11h, com o Ciclo Bravo! de Jornalismo e Literatura, no Anexo do Museu da Inconfidência. A mesa “A construção de perfis no Jornalismo” terá a presença de João Moreira Salles, da revista piauí, e Ubiratan Brasil, do jornal O Estado de S. Paulo. Às 15h, no Cine Vila Rica, começa o debate “Minha guerra alheia: mulheres guerreiras, na vida e na literatura”, com Marina Colasanti e Margarida Paredes, com mediação de Simone Schmidt. A mesa de fechamento da sexta edição do Fórum das Letras de Ouro Preto acontece às 17h, com o debate “Escrita, Liberdade e Transformação do Mundo”, com Leonardo Boff e Mia Couto, duas das presenças mais aguardadas do evento. A última atividade do dia está marcada para as 21h, na Igreja São Francisco de Assis, com a apresentação da Orquestra Ouro Preto.

A sexta edição do Fórum das Letras de Ouro Preto homenageia a África e os países de língua portuguesa, com autores vindos de diversos locais, como Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, Cabo Verde e Portugal, além, é claro, dos brasileiros. O Fórum das Letras é realizado pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).

* Fonte: Site do Fórum das Letras

Nenhum comentário:

Postar um comentário