sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Abelardo Germano da Hora - 31/07/1924








Natural de São Lourenço da Mata, PE, é Escultor, Desenhista, Gravador e Ceramista. Considerado "Mestre dos Artistas" conforme declaração de artistas como Francisco Brennand, José Cláudio, Wellington Virgulino, Gilvan Samico, Guita Chaliticer, Wilton de Souza, Adão Pinheiro, Rinaldo e Iuri da Hora, como consta nas "Memórias do Atelier Coletivo", de José Cláudio. Autor do Monumento aos Heróis da Revolução Pernambucana de 1817, na Praça da República (na administração Joaquim Francisco) e do Monumento a Zumbi dos Palmares, na Praça do Carmo (na administração Jarbas Vasconcelos). Entre as diversas exposições realizadas destacam-se 50 Anos de Escultura Brasileira no Espaço Urbano"- Praça N. S. da Paz em Ipanema, RJ; e na Galeria Debret da Embaixada do Brasil em Paris - 1986. lº Prêmio em Escultura no Salão do Museu do Estado de Pernambuco, em 3 anos consecutivos. Prêmio "Fídias" em Escultura, no IV Salão de Arte Moderna. Condecorado com a Comenda da Ordem do Rio Branco, pelo presidente Fernando Henrique Cardoso, em 27/04/1995. Delegado, em Pernambuco, da Associação Internacional de Artes Plásticas, ligada à Unesco. Estilo: Expressionista, em concreto, pedra, bronze etc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bienal de Istambu anuncia lista de artistas participantes...

Por: Rev.Brasileiros O brasileiro Victor Leguy está entre os selecionados para a mostra, que abre em setembro Adicionar  Os curador...